Projeto Erasmus+ “European Citizens of Tomorrow”

A comitiva portuguesa exibe os certtificados de participação

Decorreu de 18 a 23 de fevereiro a primeira mobilidade de alunos e professores da Escola Básica da Cruz de Pau (Agrupamento de Escolas Terras de Larus), no âmbito do projeto Erasmus+  “European Citizens of Tomorrow”, que terá a duração de dois anos.  O grupo de sete alunos, três professoras e uma intérprete de Língua Gestual Portuguesa deslocou-se à cidade de Montenero de Bisaccia, em Itália, para participar nas atividades programadas, em conjunto com as escolas dos países parceiros: Itália, Macedónia, Roménia e Turquia.

Alunos das várias nacionalidades posam para a fotografia

Com o objetivo de preparar os alunos para o futuro, o projeto procura desenvolver competências centradas nas tecnologias de informação, nas relações interpessoais e interculturais, na comunicação e no pensamento crítico, utilizando diversos estilos de aprendizagem.  Os alunos estiveram envolvidos em atividades diversas na área das ciências, físico-química e desporto.  Todos os parceiros participaram em visitas guiadas às cidades de Montenero, Vasto e Agnone e nas cerimónias de boas vindas e despedida que envolveram toda a comunidade local. O acolhimento em casa de famílias italianas e a participação em aulas possibilitaram aos nossos alunos um maior conhecimento do meio escolar e familiar.

Foi uma experiência muito enriquecedora para todo o grupo e que marcou de forma muito positiva permitindo uma partilha de conhecimentos, vivências e momentos únicos e inesquecíveis. No próximo mês de maio, outro grupo de alunos terá a oportunidade de se envolver em mais uma experiência do projeto, desta vez em Tetovo, na Macedónia.

Related Posts

A imprensa regional divulga Projeto Erasmus+ na Macedónia

A 3ª mobilidade do projeto “Social Exclusion Can Be Cured” aconteceu em Creta, Grécia

O Projeto Erasmus+ “Social Exclusion Can Be Cured!” apresenta a sua 1ª Newsletter

Projeto “Social Exclusion Can Be Cured” – Memórias de Modica